Ementa Take Away Data: 15/05/2018

Poderá fazer a sua encomenda ligando para o Desalmadamente (210 101 862). As encomendas deverão ser levantadas até às 17horas no Desalmadamente. Poderão trazer vasilhame de casa. A encomenda implica o pagamento de 50% do valor total da mesma.


Caminhada Solidária dos Pais Natais Data: 16/12/2017

Concentração e partida às 10h00 do ATL - AIPICA


Alimentação Infantil Data: 16/11/2017

Vimos por este meio informar todos os pais e encarregados de educação que irá decorrer uma sessão sobre Alimentação Infantil com a Nutricionista da Instituição.


Notícias Aipiquianas Data: 20/04/2015

Consulte a nossa agenda Aipiquiana para Abril 2015.


Desfile de Carnaval Data: 18/04/2015

- Viu a sua criança dançar no desfile de carnaval? -Sentiu a emoção da sua criança face à descoberta da reflexão sobre o tema que estava a representar? Tem a oportunidade de o fazer no próximo sábado dia 18 pelas 16.00 horas.


Queques do 25 Abril - faça já a sua encomenda Data: 16/04/2015

A primavera de 1974 trouxe-nos a liberdade almejada por todos. A AIPICA antecipando a festa de todos nós, prepara o seu famoso queque, neste caso para saborear sentindo que “a liberdade está a passar por aqui”...


Rota das Cerejas do Fundão Data: 07/06/2017

Dia 1 de Julho vamos no comboio da CP/Lazer, até ao vamos Fundão, fazer a “Rota das Cerejas do Fundão”.


Caminhada nas Arribas do Tejo Data: 10/04/2017

Visita ao Núcleo Museológico das Mantas e Tapeçarias de Belver e o Museu do Sabão


Creche J. Infância do Pragal Pragal
 
Sala da Creche
  • Para crianças de 1 a 3 Anos
  • Capacidade para 12 crianças
  • Pessoal Técnico: Educadora (Mafalda Calvário) e 2 Ajudantes de Ação Educativa (Maria Manuela Veladas e Maria do Rosário Oliveira).

  • Caracterização da Sala

    Numa sala de creche é deveras importante que se crie um espaço amplo, com áreas espaçosas para o desenvolvimento das crianças.

    A organização da sala deve ter em conta as necessidades específicas de cada idade, mas também deve seguir um critério totalmente flexível para poder acomodar o espaço para as diversas atividades diárias.

    A criança dos 0 aos 2 anos necessita, principalmente, de um espaço concreto para o tempo de descanso e sono e outro para a limpeza e higiene pessoal. Mas também necessita de um espaço amplo e livre de móveis onde possa desenvolver as suas capacidades motoras e a sua ilusão por explorar, manipular, descobrir e estabelecer uma relação com os objetos.

    No que diz respeito às crianças dos 2 aos 3 anos, estas necessitam de uma clara delimitação do espaço de trabalho e do espaço de jogo, no qual dentro dos mesmos, as diferentes áreas. É importante evitar zonas mortas e a interferência das distintas áreas, embora ao mesmo tempo, deva contemplar a possibilidade de mover o mobiliário menos pesado para os momentos de descanso e atividades coletivas.

    O acolhimento das crianças é realizado na sala de baixo até à chegada das educadoras.

    A Creche contempla diferentes espaços bastante amplos, tais como: uma sala para arrumação de materiais, uma sala de atividades, um corredor, uma casa de banho e um dormitório.

    Na sala de arrumação encontram-se os materiais de desgaste das crianças, os cabides individuais de cada uma (identificados com os nomes das mesmas), uma mesa e três cadeiras, assim como diversas prateleiras de arrumação.
    A área da higiene é composta por um móvel muda fraldas com prateleiras de arrumação, um móvel com banheira e chuveiro com prateleiras de arrumação, duas sanitas, três lavatórios e uma prateleira para arrumação dos copos para a água. Este espaço contempla uma janela com vista para o exterior, assim como, uma janela em vidro com vista para a sala de atividades e para o corredor.

    O dormitório é composto por doze catres e um móvel para arrumação. Este espaço contempla uma janela com luz natural e com vista para o exterior.

    A sala de atividades está organizada segundo diferentes áreas, tais como: a área da expressão plástica, a área da leitura / atividades de repouso, a área da casinha e a área dos jogos de mesa e de chão. Esta área da Creche contempla duas janelas com vista para o exterior.

    A divisão do espaço em diferentes áreas de atividades promove o desenvolvimento das crianças, a nível motor, social e de pares.

    O espaço reúne as condições necessárias para que a aprendizagem seja gradual e ao nível de cada criança.

    Área da expressão plástica

    Nesta área as crianças podem manipular diferentes e diversificados tipos de materiais, tendo um primeiro contato com distintas técnicas de trabalho.

    Os materiais existentes nesta área são: uma mesa retangular, seis cadeiras, um móvel de apoio, lápis de cera, canetas de feltro e folhas.

    Área da leitura / atividades de repouso

    Nesta área as crianças têm ao seu dispor diferentes e diversificados livros, com os quais mantém os primeiros contatos com os códigos escritos e com imagens, aprendendo a manusear os livros e a respeitar os mesmos.

    Neste mesmo espaço são contadas as histórias e cantadas diferentes músicas.

    Nesta área existe um móvel quadrado com quatro prateleiras onde se encontram os livros, ao alcance das crianças, um tapete e duas almofadas cilíndricas gigantes para o conforto das crianças.


    Área da casinha

    Nesta área as crianças têm a oportunidade de desenvolver e desempenhar diferentes papéis sociais, podendo estes ser reais ou imaginários.

    Recriam e mimam as cenas do quotidiano diário, importantes para a sua vida em sociedade. Nesta área podemos encontrar: uma cozinha, pratos, talheres, frutas, copos e uma cadeira de bebé e três bonecos.




    Área dos jogos de mesa e jogos de chão

    Nesta área as crianças podem realizar diferentes construções e jogos, realizando aprendizagens matemáticas, desenvolvendo a concentração, a memória, a partilha e a cooperação.

    Os materiais existentes nesta área são: um móvel de apoio, legos pequenos, legos gigantes, puzzles de encaixe de madeira e carrinhos.





    Rotina Diária

    A organização do tempo da sala de Creche é realizada através de uma rotina diária, sendo esta organizada por diferentes horas e diferentes momentos do dia.

    Deste modo, a sala de Creche tem a seguinte rotina diária:




    Segundo Poste & Hohmann (2007) “Uma rotina é mais do que saber a hora que o bebé come, dorme, toma banho e se vai deitar. É também saber como as coisas são feitas… as experiências do dia-a-dia das crianças são as matérias-primas do seu crescimento.”. (p.193)
    A rotina diária é organizada com o contributo das crianças e dos adultos, apesar de forma diferente. Se a atividade for pré-estruturada o contributo maior é do adulto, pois é este que a planeia enquanto se for delineada pelas crianças, considera-se uma ideia espontânea (pensada no momento).

    As rotinas são deste modo, oportunidades únicas para o desenvolvimento da autonomia e socialização da criança. Assim, o educador aprende a responder a um horário personalizado de cada criança.

    Quando os horários e as rotinas são bem entendidos pelas crianças, os benefícios para as mesmas são imensos.

    O educador tem um papel muito importante na gestão do tempo, entre cada atividade, possibilitando à criança diferentes experimentações e interações. A criança deve então manter contato não só com os grupos pequenos, como com grupos grandes, com os adultos e consigo mesma.

    Para Formosinho (1997) “Criar uma rotina diária é basicamente isto: fazer com que o tempo seja de experiências educacionais ricas e interacções positivas.”. (p.69)

    A organização do tempo da rotina diária é muito importante para a criança, visto possibilitar que a mesma conheça os diferentes momentos do dia. Desta forma, a criança começa a gerir o seu tempo, entre cada momento da rotina, possibilitando-a de brincar em grupo e/ou sozinha. A criança mantém-se tranquila nas diferentes atividades propostas durante o dia, tornando-se independente do adulto.

    A rotina diária para a educadora é um grande benefício, pois esta ajuda-a e facilita o seu trabalho, permitindo uma melhor organização de tempo, para a observação das crianças nas suas atividades e posteriormente fazer a sua avaliação.

    Para a elaboração da rotina, a educadora deve ter em atenção a faixa etária do grupo e as suas capacidades, para que o seu trabalho tenha significado e seja produtivo para as crianças.


    AIPICA - Associação de Iniciativas Populares para a Infância dio Concelho de Almada
    Sede: (+351) 212 723 426 | Fax: (+351) 212 723 426 | Email: info@aipica.pt